Saturday, November 12, 2016

558 - The Monkees - Last train to Clarksville (1966)

Escrita Tommy Boyce e Bobby Hart, foi gravada pelos Monkees em 25 de julho de 1966, nos estúdios da RCA Victor em Hollywood, California. Foi lançada em 16 de agosto de 1966 num compacto que tinha Take a giant step como Lado B. Foi o compacto de estréia dos Monkees. Last train do Clarksville foi incluída no primeiro disco deles, de 10 de outubro de 1966.

Chegou ao número 1 dos charts pop americanos em 5 de novembro de 1966. Os vocais principais foram feitos pelo baterista dos Monkees, Micky Dolenz. Chegaram também ao número 1 no Canada e número 23 no Reino Unido.

Last train to Clarksville é muito comparada à Paperback writer, dos Beatles, pelo som da guitarra, a estrutura dos acordes e pelas harmonias vocais. Papaperback writer era numero 1 nos Estados Unidos três meses antes do lançamento de Last train to Clarksville.

A letra fala de um cara telefonando para a garota que ele amavama e pedindo pra ela ir encontrar com ele na estação de trem antes dele partir, talvez para sempre. Era período da guerra do Vietnã e a canção se tratava de um soldado partindo para a guerra.

Clarksville, no Tennesse, é perto de Fort Campbell, Kentucky, onde ica a 101st Airborne Division, que estava servindo no Vietnã.

Eles queriam mesmo um som como Paperback writer, mas em vez do yeah, yeah, yeah dos Beatles, eles colocaram um oh, no no no!!

Apesar da Wrecking Crew ter gravado grande parte do instrumental dos Monkees, dessa vez quem gravou foi a Candy Store Prophets. O solo de guitarra foi escrito e tocado por Louie Shelton.

A letra:

Take the last train to Clarksville,
And I'll meet you at the station.
You can be be there by four thirty,
'Cause I made your reservation.
Don't be slow, oh, no, no, no!
Oh, no, no, no!

'Cause I'm leavin' in the morning
And I must see you again
We'll have one more night together
'Til the morning brings my train.
And I must go, oh, no, no, no!
Oh, no, no, no!
And I don't know if I'm ever coming home.

Take the last train to Clarksville.
I'll be waiting at the station.
We'll have time for coffee flavored kisses
And a bit of conversation.
Oh... Oh, no, no, no!
Oh, no, no, no!

Take the last train to Clarksville,
Now I must hang up the phone.
I can't hear you in this noisy
Railroad station all alone.
I'm feelin' low. Oh, no, no, no!
Oh, no, no, no!
And I don't know if I'm ever coming home.

Take the last train to Clarksville,
Take the last train to Clarksville,

A versão dos Monkees:


A versão de Woodlock:


A versão de Jerry Reed:

No comments:

Post a Comment