Tuesday, May 24, 2011

83 – Link Wray - Rumble (1958)

Rumble é a primeira música instrumental desta coleção. Foi gravada por Link Wray and His Ray Men e lançada em Abril de 1958, pela Cadence Records. Foi escrita por Link Wray e Milt Grant. Trata-se de rock instrumental muito reverenciada, pois usou técnicas que não eram exploradas de distorção e feedback.

A canção é a única canção que é unicamente instrumental que foi banida das rádios na época. É também a primeira canção a usar o “power chord”, o maior modus operandi do moderno tocador de guitarra de rock.

Numa apresentação ao vivo em Fredericksburg, na Virgínia, Link Wray apareceu com “Rumble”, que se chamava anteriormente de “oddball”. Foi um hit instantâneo e teve que ser repetida 4 vezes naquela noite.

Assim, pouco tempo depois, a canção chegou aos ouvidos do produtor Archie Bleyer, da Cadence Records, que odiou a canção de inicio, especialmente depois que Wray fez buracos nos auto-falantes dos amplificadores, pra fazer com que o som se parecesse mais com a versão ao vivo. No entanto, a enteada de Bleyer amou a música e ela foi lançada, apesar do protesto dele. Phil Everly, dos Everly Brothers escutou a música e sugeriu o título “Rumble”, pois ela tinha um som “rough” e que para ele, parecia mais uma briga de rua.

A música foi banida de muitas rádios pois rumble era uma gíria que significava uma briga de gangs e o pessoal pensava que a música iria glorificar a delinquência juvenil.

De toda maneira, a música se tornou um grande hit e não apenas nos Estados Unidos, onde se chegou ao número 16 nos charts, mas também na Inglaterra, onde tem sido citada sempre como influencia pros Kinks e pro The Who, entre outros, embora nunca tenha subido nos charts ingleses.

Bob Dylan já disse que se tratava da melhor música instrumental de todos os tempos. A canção pode ser ouvida nos filmes: The Warriors, Pulp Fiction, Independence Day, Blow, It might get loud, no primeiro episódio de Os Sopranos, entre outros.

A canção é uma instrumental 12-bar blues, tocada com uma combinação de 2 guitarras elétricas, um baixo e uma bateria.

A gravação original de Link Wray, de 1958, somente o áudio:



Link Wray ao vivo em 1978, na Alemanha:



Link Wray ao vivo em 1993, na França:

No comments:

Post a Comment