Saturday, June 14, 2014

309 – The Supremes – Where did our love go? (1964)



Escrita por Lamont Dozier, Brian Holland e Eddie Holland, foi gravada em 8 de abril de 1964 pelas Supremes e  lançada pela Motown em 17 de junho de 1964, em um compacto que tinha He means the world to me como Lado B. foi produzida tambem por Lamont e Brian. 

Foi o primeiro compacto das Supremes à ir ao primeiro lugar dos charts pop americanos. Ficou nessa posicao por duas semanas, entre 16 de agosto e 29 de agosto de 1964. Chegou tambem ao número nos charts de R&B. É a canção de número 475 no ranking da revista Rolling Stone das 500 maiores cancoes de todos os tempos. 

De acordo com Brian Holland, a canção foi escrita com as Supremes na cabeça. Quando as Supremes gravaram essa canção, não gostaram. Queriam algo do tipo de Please mister postman, das Marvelettes.
Inicialmente, discutiram quem iria ser o vocal principal, mas acabaram dando esse papel pra Diana Ross. Gravaram tambem uma versao em alemao dessa cançao, as proprias Supremes. 

A canção bateu na veia dos Estados Unidos. A canção estava no topo poucas semanas depois do Civil Rights Act of 1964, capturando o espirito de uma america se recuperando do assassinato do presidente Kennedy, a tensao racial, o envolvimento dos Estados Unidos no Vietnã e o fim do otimismo do começo dos anos 60s. 

Foi regravada em 1978 por Ringo Starr, em 1981 por Soft Cell, em 1998 foi a vez da Spice Girls, ao vivo, em 2005 foi a vez de Pussycat Dolls, entre outros artistas. 

A letra:

Baby, baby
Baby don't leave me
Ooh, please don't leave me
All by myself

I've got this burning, burning
Yearning feelin' inside me
Ooh, deep inside me
And it hurts so bad

You came into my heart
So tenderly
With a burning love
That stings like a bee

Now that I surrender
So helplessly
You now wanna leave
Ooh, you wanna leave me

Ooh, baby, baby
Where did our love go?
Ooh, don't you want me
Don't you want me no more
Ooh, baby

Baby, baby
Where did our love go
And all your promisses
Of a love forever more

I've got this burning, burning
Yearning feelin' inside me
Ooh, deep inside me
And it hurts so bad

Before you won my heart
You were a perfect guy
But now that you got me
You wanna leave me behind
(Baby, baby) ooh baby

Baby, baby don't leave me
Ooh, please don't leave me
All by myself

Ooh, baby, baby
Where did our love go?


A versao das Supremes, com Diana Ross nos vocais principais, original, de 1964:



A versao de Ringo Starr, de 1978:



A versao de Soft Cell, de 1981:


No comments:

Post a Comment