Tuesday, November 5, 2013

248 – Gerry and The Pacemakers – You’ll never walk alone (1963)



Escrita por Richard Rodgers e Oscar Hammerstein II, foi gravada originalmente por Christine Johnson, mas que depois se tornaria um clássico, se tornando o hino do Arsenal Futebol Clube, na voz de Gerry and The Pacemakers, e é justamente essa versão que escolhemos aqui nessa nossa lista. 

Foi regravada, entre outros, por Judy Garland, Doris Day, Perry Como, Frank Sinatra, Elvis Presley, Barbra Streisend e Patti LaBelle. O Pink Floyd também usou a música no meio da sua Fearless, de 1971. 

Jerry Lewis tocou-a ao vivo com Louis Armstrong no MDA Telethon em NYC, em 11 de outubro de 1967.  

Originalmente, era uma música de uma peça chamada Carousel, de 1945. No segundo ato do musical, Nettiw Fowler, a prima da protagonista Julie Jordan, canta You’ll never walk alone para confortar e encorajar Julie quando o marido dela, Bully Bigelow, se mata pra evitar que fosse capturado durante um roubo.

Foi tocada novamente na cena final para encorajar a graduação da escola que Louise, filha de Billy e Julie, estuda. Billy que agora é invisível, foi dado a chance de retornar a terra por um dia pra que reparasse seus erros, assiste a cerimônia e incentiva sua filha que estava triste à se juntar e cantar a música.  

Christine Johnson, que criou o papel de Nettie Fowler, apresentou a canção na produção original da Broadway. No fim do show, Jan Clayton, como Julie Jordan, cantava novamente, mas dessa vez com um coro. No filme, Claramae Turner canta a canção como Nettie. Julie Jordan, interpretada por Shirley Jones, tenta cantar mas não consegue, só depois que canta, já na parte da graduação. 

Num show do Queen, o público cantou essa canção, o que fez com que o grupo criasse We are the champions e We will rock you, segundo o guitarrista Brian May. Babra Streisend cantou-a no encerramento do 2001 Emmy Awards, em homenagem às vitimas do 11 de setembro.  

A gravação de Gerry and The Pacemakers foi feita em 2 de julho de 1963, nos Estudios Abbey Road, da EMI, tendo George Martin como produtor. Foi lançada em outubro de 1963. 

Essa versão de Gerry ficou no número 1 dos charts britânicos por 4 semanas consecutivas. Logo se tornou hino do Liverpool Football Club, pois Gerry era de Liverpool. Desde então, os torcedores cantam essa música antes de começar os jogos. As palavras You’ll never walk alone aparecem no brasão do time e também na entrada do estadio deles, o Anfield. 

Gerry Marsden, deu de presente pro manager do Liverpool Bill Shankly, uma fita com a gravação que fizeram dessa música, e que ainda não havia sido lançada. Isso era no verão de 1963. Bill ficou impressionado com a gravação e o clube então adotou-a. 

Gerry disse que o DJ de Anfield tocava o TOP TEN em ordem ascendente, com o número 1 sendo transmitido pouco antes do ponta pé inicial. Os espectadores cantavam junto, mas diferente dos outros hits, You’ll never walk alone saiu da lista, mas os espectadores continuaram cantando a canção assim mesmo. 

A canção depois foi adotada também pelo Celtic FC, da Escócia. Fevenoord, FC Twente, SC Cambur da Holanda. Borussia dormund, Mainz 05, FC Kaiserslautern, Borussia Monchengladbach, Alemannia Aachen, FC St Pauli, SV Darmstadt 98, da Alemanha. Club Brigge, da Belgica. FC Tokyo, do Japao e CD Lugo, da Espanha.  

Uma gravação especial foi feita em solidariedade a cidade de Bradford, depois de um grand incêndio num desfile em 1985, quando 56 espectadores morreram e muitos outros ficaram seriamente feridos. A canção foi gravada por Gerry Marsden, Paul McCartney e Rolf Harris, entre outros, num grupo que se denominou The Crowd. 

John Peel tocou a versão mais à la Aretha Franklin no primeiro show depois do desastre de Hillsborough, em abril de 1989. 

Quando assistiu a ao público cantando I’ll never walk alone em Anfield, em 2007, Alejandro Blanco, presidente do Comitê olímpico espanhol, disse que se sentiu inspirado à procurar uma letra pro hino nacional espanhol, a Marcha Real, junto com a proposta de Madri de sediar os jogos olímpicos de 2016. 

Muita gente gravou essa canção, alem dos já citados. Entre eles. Alicia Jeys, Aretha Franklin, Barry Manilow com Cila Black, Chris de Burgh, Dione Warwick, Gene Vincent, Johnny Cash, Louis Armstrong, Mario Lanza, Nina Simone, Olivia Newton John, Ray Charles, The Righteous Brothers, The Shadows, Susan Boyle, The Three Tenors, Tom Jones, entre dezenas de outros artistas. 

A letra:

When you walk through a storm
Hold your head up high
And don't be afraid
Of the dark
At the end of a storm
There's a golden sky
And the sweet silver song
Of a lark
Walk on, through the wind
Walk on, through the rain
For your dreams be tossed and blown
Walk on, walk on, with hope in your heart
And you'll never walk alone
You'll never walk alone
You'll never walk alone
Walk on, walk on, with hope in your heart
And you'll never walk alone
You'll never walk alone


Gerry and The Pacemakers com You'lle never walk alone:



Agora um clipe muito legal com a versão de Gerry:



Agora a torcida cantando antes do jogo, em Anfield, campo deles, de emocionar:



Um pouco de historia:


No comments:

Post a Comment